vetor de um instagram acessado dentro de um iphone
Categorias:

Como sua empresa pode vender mais usando Instagram

Toda marca que deseja não estar fadada ao fracasso precisa estar bem posicionada no Instagram. Nós vivemos na Era Digital, onde o número de usuários na rede social no mundo chega a 1 bilhão!

Um número impressionante e que deve ser levado em consideração, afinal, dentro desse número tão vasto existe um público que vai se interessar pelo o que você vende!

Mas para isso acontecer, a sua marca deve estar bem posicionada nessa rede social tão famosa e que vai ser uma grande aliada no processo de vendas. Vamos entender como?

Instagram: o que é do ponto de vista do marketing?

A primeira coisa que você precisa saber sobre Instagram é que ele é uma rede social que funciona como motor de busca.

Isso quer dizer que, assim como o Google, as pessoas usam o Instagram para buscar informações sobre marcas, pessoas, notícias, entre muitas outras coisas que são possíveis de achar.

É extremamente importante que a sua empresa esteja no Instagram exatamente por isso: as pessoas hoje buscam informações lá!

Então é preciso fazer um trabalho completo para aparecer nas buscas.

Todavia, é importante lembrar que o Instagram não é a única rede social que merece atenção. Estar presente em todos os canais de comunicação é muito importante inclusive para o SEO! Portanto, é importante ter uma equipe voltada para isso.

Como organizar o meu perfil?

O Instagram possui a opção de você sinalizar que aquela conta é empresarial, e é muito importante que você a use!

Usando a conta profissional vai ser possível metrificar e ver os insights que a rede social oferece. Vai ajudar bastante a analisar o engajamento, o crescimento e se a produção de conteúdo está no caminho certo.

Além disso, é super importante usar todas as possibilidades que o Instagram oferece!

Deixar o perfil o mais completo possível, com todas as opções de contato, informações sobre abertura, horário de funcionamento, site e link na biografia com todas as demais produções.

Se espelhe em perfis do mesmo nicho que você para ver como eles organizam o perfil, isso se chama benchmarking e vai te ajudar muito.

Produção de conteúdo

Saindo da parte de configuração do seu perfil, é necessário entender sobre como vai acontecer a produção.

O marketing de conteúdo é baseado na constância e o resultado vem com a rotina.

É preciso ser amigo do algoritmo e estar sempre atento ao que está dando resultado ou não, sempre usando todas as ferramentas que o Instagram tem: reels, IGTV, stories, feed, aba de compras, e tudo mais que for aparecendo.

Fora isso, é muito importante saber o rumo que o Instagram anda tomando: as pessoas não querem mais saber apenas de uma marca.

Querem ver pessoas! Humanizar o perfil é algo que tem que ser regra, pois pessoas só se conectam com pessoas e não com objetos e serviços.

“Pessoas só se conectam com pessoas”

Quando vamos produzir um conteúdo, ele pode ser dividido em três categorias no que chamamos de funil do marketing.

Ele vai nos ajudar a vender mais e será um guia da produção de conteúdo – tanto nas redes sociais quanto em outras plataformas, por isso, é muito importante entendê-lo antes de qualquer coisa.

Falando de vendas, partimos do pressuposto de que um produto ou serviço só será vendido se estiver resolvendo a dor (problema) de alguém.

Por isso, em cada fase do funil que falaremos a seguir, estaremos estudando a melhor forma de dizer para o público que:

  1. Você tem um problema!
  2. Você pode resolvê-lo!
  3. Nós somos a melhor solução. 🙂

O funil faz jus ao nome e é bem fácil de entender a divisão dele. Temos o topo, meio e fundo do funil!

Para cada etapa, teremos um tipo de conteúdo que nos ajuda a entender em qual nível de produção de conteúdo estamos e como podemos nutrir o público, sabendo exatamente o que ele precisa receber. Vamos entender cada um deles?

Topo de funil

No topo do funil você vai atrair novas pessoas para as redes, ganhar novos seguidores! Serão produzidos conteúdos mais rasos e simples, como: “como fazer algo”, dicas e passo a passo.

Basicamente, aqui você vai produzir um conteúdo mais geral, para iniciantes!

As pessoas que estão nessa fase, estão ainda aprendendo e descobrindo sobre determinado assunto, e muitas vezes ainda nem reconhecem que tem um problema, mas é nessa fase que vão descobrir também.

O nosso foco nessa produção são os visitantes e possíveis leads.

Nessa fase, o conteúdo precisa ser de fácil acesso! Nada de formulários ou de querer pegar o contato de ninguém.

É importante dar para receber, então é o momento de produzir bastante conteúdo sem esperar nada em troca – por enquanto! Hahahaha.

Portanto, não é interessante se autopromover e nem exaltar as qualidades do seu produto/serviço! Tem que começar do zero, lembrando que essas pessoas, muitas vezes, nem sabem que tem um problema.

Por isso, se você possui uma marca de materiais de limpeza, por exemplo, nesse momento você vai falar sobre os benefícios de manter o seu ambiente de trabalho limpo, da importância da limpeza na prevenção de doenças, entre outras dores que podem afetar o seu público.

Esse conteúdo pode ser produzido em redes sociais, blogs, vídeos, newsletters… em diversos meios de comunicação.

Já que estamos falando de Instagram, é preciso pensar em quais métricas é necessário avaliar: curtidas, alcance das publicações, visualizações e impressões são fundamentais para essa parte do processo.

Meio do funil

Nessa fase, o público já sabe da existência de uma dor, e está procurando resolvê-la! Mas ainda está distante de tomar uma decisão de compra.

Por isso, chamamos o meio de funil de fase de relacionamento! É o momento de nutrir o seu lead (sim, aqui ele já se tornou uma oportunidade!) para convencê-lo de que a melhor opção para solucionar o problema é a que você tem a oferecer.

Aqui, os tipos de conteúdos começam a se aprofundar mais, afinal, as pessoas já sabem qual o problema e querem saber como solucioná-lo.

IGTVs são boas opções para conteúdos mais longos e específicos, além de lives, carrosséis, stories e qualquer outro tipo de conteúdo que consiga realizar uma maior conexão com o público, usando sonhos, dores e conquistas.

Para esse tipo de produção, é muito importante aparecer! Como eu disse anteriormente, pessoas só se conectam com pessoas, portanto, é o momento de botar a cara no jogo e fazer muitos vídeos.

Além disso, é o momento das provas sociais voltadas para as dores! Traga depoimentos de pessoas que já usufruíram do seu produto ou serviço e como eles facilitaram a vida deles e sanaram os problemas.

As pessoas, antes de tomar uma decisão importante, sempre procuram a opinião de outras pessoas que já usaram. Então, facilite o processo e leve até eles! A prova social pode ser feita em diversos formatos: vídeos, depoimentos, áudios… fica para a sua criatividade decidir.

No meio do funil já é possível fazer algumas citações à marca, mas sem exageros, ok? Para analisar as métricas aqui, fique de olho nos comentários das postagens, compartilhamentos, quantidade de salvos e visualizações nos stories.

Fundo de funil

Agora sim! Chegou o momento de transformar aquela oportunidade de venda em cliente.

Nessa fase, os conteúdos podem ser mais agressivos (no sentido de serem mais voltados para a venda mesmo)! Preços e marcas são importantes agora e por isso, tá liberado exaltar o seu produto e a sua empresa.

É a hora de converter em vendas, e o tipo de conteúdo deve ser o que mais conecta: pessoas falando para outras pessoas.

É importante trazer mais feedbacks e depoimentos de quem já usou o seu produto ou serviço, conteúdos sobre as principais dúvidas em relação ao uso do mesmo, benefícios, resultados que as pessoas conseguem atingir usando-os e ofertas!

Aqui, ele já tem uma opinião formada sobre o assunto e está a um passo de decidir qual empresa vai ganhá-lo.

Nessa fase, o futuro cliente está analisando os prós e contras de comprar na sua empresa ou na do concorrente.

Ele já sabe que tem o problema, já sabe como resolvê-lo e quer ver cases de sucesso de outros clientes, ver demonstrações de uso do produto ou serviço e se sentir seguro em comprar em uma empresa que tenha vantagens à frente do mercado.

Aqui está liberado pedir informações. Produza conteúdos como eBooks e faça formulários para pegar o contato desse público!

Se eles não comprarem dessa vez, você pode continuar nutrindo-os via newsletter. Os dados são as coisas mais valiosas que existem na Era Digital.

Para analisar as métricas: o famoso ROI: retorno sobre o investimento!

Dicas de produção

Como o Instagram é um motor de busca, o seu maior objetivo é tirar o seu público de lá!

Então a produção de conteúdo deve ser voltada para levar o seu cliente para um site, landing page, link do WhatsApp! Sempre com um CTA – Call to Action, chamando as pessoas a fazer alguma ação.

Fora isso, é muito importante ter uma planilha de planejamento! Vai ser uma grande aliada no processo de constância e de organização!

Tire sempre um dia da semana para atualizar e saber o que postar em cada dia. Como eu já disse antes, marketing de conteúdo é rotina, então é preciso criar essa disciplina.

Quando não se tem o costume, é legal ter uma ferramenta de organização como o Trello e a planilha de apoio.

Outra coisa: sempre produza conteúdo com propósito! É muito legal estar por dentro de todas as trends e tudo que está acontecendo, mas só faça isso se for alinhado com o que você deseja mostrar para a sua empresa.

Uma ótima dica é adicionar a metodologia OKR na produção de conteúdo no marketing, vai ajudar demais a ver onde você quer chegar com os conteúdos.

Se você ainda não conhece essa metodologia, confira um vídeo que fizemos te ensinando a aplicar da melhor forma a solução usada por grandes empresas como o Google.

Se possível, invista em um site! Vai aumentar bastante as suas vendas principalmente se você quiser ter uma boa pontuação em SEO.

O Instagram, que é o foco desse texto, é muito bom, mas o Google ainda ocupa o primeiro lugar nos motores de busca. Produzir conteúdo para blog, vídeos para Youtube e estar presente em outras redes sociais como Twitter, Facebook e LinkedIn é fundamental também!

Quem é visto é sempre lembrado, então esteja presente onde der. Nós produzimos um conteúdo para você conferir cinco maneiras de começar a aplicar SEO na sua marca de forma super acessível!

Bom, essas foram algumas dicas para a sua empresa performar de maneira efetiva na nossa tão amada rede social!

O segredo do Instagram é usar todas as ferramentas que ele oferece, use e abuse de reels, IGTV, story, feed, aba de compras, perfil comercial e tudo mais que a plataforma oferecer.

Ela é uma grande aliada e com certeza vai ajudar a sua empresa a alcançar mais pessoas e, portanto, vender mais.

Até a próxima! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.